icon-noticias-data icon-noticias-mais icon-youtube icon-social-twitter icon-social-google icon-social-instagram icon-social-linkedin

FBI alerta para aumento de fraudes em transferências eletrônicas de dinheiro via e-mail falso

09/05/2017

As tentativas de fraude eletrônica em todo o mundo, por meio de e-mails que aparentemente são de parceiros de negócios confiáveis, aumentaram nos últimos sete meses de 2016, alertou o FBI.

Os fraudadores buscaram roubar pelo esquema, conhecido por compromisso de e-mail comercial, US$ 5,3 bilhões de outubro de 2013 até dezembro de 2016, informou o FBI em um relatório divulgado na última quinta-feira (4) pelo Centro de Queixa contra Crimes na Internet.

A cifra subiu acentuadamente ante o relatório anterior do FBI, que apontava que ladrões tentaram roubar US$ 3,1 bilhões de outubro de 2013 até maio de 2016, de acordo com um levantamento de casos de agências de aplicação da lei em todo o mundo.

O número de casos no esquema, no qual criminosos cibernéticos solicitam transferências eletrônicas em emails que parecem ser de executivos sênior ou fornecedores que regularmente solicitam pagamentos, quase dobraram de maio a dezembro do ano passado, subindo de 22.143 para 40.203, disse o FBI.

O FBI disse que uma em cada quatro vítimas nos Estados Unidos realizaram as transferências de recursos aos criminosos. Em alguns desses casos, autoridades têm conseguido identificar os crimes em tempo de ajudar as vítimas a recuperar seus recursos dos bancos que os criminosos os retirassem do sistema.

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos disse em março que responsabilizou um lituano por orquestrar um sistema de emails fraudulentos que levou agentes e funcionários de duas empresas de internet com sede nos Estados Unidos a transferir mais de US$ 100 milhões para contas bancárias no exterior.