icon-noticias-data icon-noticias-mais icon-youtube icon-social-twitter icon-social-google icon-social-instagram icon-social-linkedin

TNT Brasil sofre ataque de ransomware e interrompe alguns serviços

29/06/2017

O ransomware Petya que come√ßou a atacar diversas m√°quinas na Europa tarde de ontem (28) e chegou ao Brasil poucas horas ap√≥s os primeiros relatos, tamb√©m afetou os servidores da TNT,¬†empresa internacional de servi√ßos de entrega de correio com opera√ß√Ķes no pa√≠s.

 

 

A TNT Brasil divulgou uma nota sobre a invas√£o: “Como muitas outras empresas e institui√ß√Ķes em todo o mundo, estamos interferindo alguns dos nossos sistemas dentro da rede TNT. Estamos avaliando a situa√ß√£o e estamos implementando etapas de corre√ß√£o o mais r√°pido poss√≠vel. Lamentamos qualquer inconveniente para os nossos clientes”.

A TNT oferece, no Brasil, um serviço de entrega e remessa similar aos Correios

 

 

Pa√≠ses na Europa e Europa Oriental tiveram m√°quinas sequestradas, servidores e computadores no Brasil tamb√©m come√ßaram a ser invadidos pelo suposto ransomware Petya ‚ÄĒ similar ao WannaCry, que invadiu 300 mil PCs em mais de 150 pa√≠ses no come√ßo de maio deste ano. Por aqui, al√©m da TNT, foram afetadas ag√™ncias de publicidade, unidades hospitalares, companhias de diversos tamanhos e alguns usu√°rios dom√©sticos.

 

 

“Implementamos conting√™ncias operacionais para continuar a completar coletas de clientes com paradas agendadas. Para os clientes que n√£o t√™m uma parada regular, a coleta deve ser organizada por meio de nossos centros de atendimento ao cliente”, comentou a TNT. “Os clientes podem sofrer atrasos no tr√Ęnsito de embarques, particularmente a entrega europeia intercontinental ou n√£o comunit√°ria, enquanto trabalhamos para remediar nossos sistemas. Al√©m disso, se os clientes n√£o t√™m facilidade para auto-rotular, eles tamb√©m podem experimentar atrasos”.

 

A TNT, que se desculpou pela ‘incoveni√™ncia’, tamb√©m deixou claro que “n√£o podemos coletar remessas de mercadorias perigosas neste momento”.